Monday, August 07, 2006

árvores pela janelinha


Fui visitar a minha avó em Marília esse findi e quando descobri o preço da passagem aérea da TAM, rapidamente resolvi matar as saudades de um bom busão. Eis que redescobri os prazeres e vantagens de viajar de ônibus versus avião ou carro. Não estou falando em economia de tempo, mas em bom uso do tempo.
Por mais que pareça que no avião você consegue fazer as mesmas coisas que no ônibus, é mentira. No avião você fica sendo interrompido por declarações do comandante, do piloto e da comissária chefe. Depois vêm as traduções de cada um deles. Isso sem contar o vídeo de sobrevivência que eu nem considero que interrompe porque esse todo mundo consegue ignorar.
Depois as bebidas, depois as comidas. Depois esperar pra que alguma alma santa tire as bebidas e comidas de cima de você para você poder se mexer. Depois aviso de põe cinto, de turbulência, de qual a temperatura lá fora. Quando é vôo internacional ainda tem carrinho do DuTy Free e preenchimento obrigatório de formulários.
No busão não tem nada. Entrou, sentou e alguém só vai se comunicar com você na parada do posto pra pronunciar gentilmente três palavrinhas: “quinze minutos pessoal”.
Dá tempo de ouvir musica, mandar sms e ninguém te pede pra desligar aparatos eletrônicos. Dá tempo de ler. Dá tempo de pensar na vida sem ninguém interromper. E tem paisagens diferentes full time pela janelinha.

3 comments:

Dany said...

fora q no onibus vc nao sente enjoo e nem a sensacao de claustrofobia. to contigo e nao abro!

Asceta said...

Recentemente também encarei 4 horas pra ir ao outro lado do estado e também fiquei surpreso com as benesses de algumas horas dentro de um ônibus. Ainda bem que, de tempos em tempos, conseguimos redescobrir alguns pequenos prazeres da vida.

O que tu andas fazendo da vida, além de escrever por aqui?

fernanda said...

o de sempre: trabalhando, esperando as férias e procurando coisas legais pra fazer na cidade.