Wednesday, August 02, 2006

Cranium


Uma das palestras mais legais do foi a Richard Tait, inventor do Cranium, um jogo que faz um sucesso absurdo nos EUA.
Gostei primeiro pela paixão dele quando criou o jogo e hoje dirigindo a empresa. A maneira como ele contrata pessoas, comemora conquistas e como as pessoas trabalham é um p. exemplo de cultura corporativa em linha com a marca. Por exemplo, a cada US$1 milhão em receita, o CFO da empresa sai pelos corredores grudando notas de dólares gigantes no chão ao som de "Money (That's what I want)".
Segundo pela maneira como ele "changed the rules". Enquanto ninguém comprava o Cranium ainda, ele levou o jogo até onde as pessoas estavam- como o Starbucks.
E terceiro porque todo mundo ganhou um
Cranium Top 5 pra levar pra casa e eu adoro brinde. Verdade que não foi bem prático trazer aquela trolha na mala mas agora quero muito aprender a jogar. Esteticamente ele parece um Genius (lembra?) mas pelo que entendi a mecânica é tipo um Master.
Parece que pra jogar tem que manjar de cultura pop americana. Mas deve ser divertido porque segundo o Richard, Cranium foi criado porque Everyone should have the chance to shine.

2 comments:

Dany said...

quando eu voltar eu jogo com vc!

Leandro said...

Gostei da parte dos Beatles, boa idéia pra se implementar em uma empresa. O jogo parece ser interessante tbm.